Portugal é campeão do mundo de Beach Soccer

A Seleção Nacional de futebol de praia venceu, este domingo, o Campeonato do Mundo de Beach Soccer da FIFA – Portugal’2015.

A equipa das Quinas venceu o Taiti por 5 a 3 na grande final disputada num Estádio da Praia da Baía, em Espinho, totalmente lotado. Depois da final perdida há dez anos, na primeira edição do torneio, no Brasil, a seleção portuguesa chegou, finalmente, ao lugar mais alto da modalidade.

A final do Mundial de Beach Soccer foi realizada diante que 3500 torcedores que assistaram a uma excelente partida. E o começo foi logo com um gol de Madjer, aos três segundos, anotando assim o gol mais rápido do torneio e de todas as finais de Mundiais de Beach Soccer da FIFA. O entusiasmo nas arquibancadas do Estádio da Praia da Baía atingiu níveis estratosféricos e ainda ficou melhor quando Belchior aumentou a vantagem para 2 a 0, após assistência de Madjer.

O segundo período começou com o Taiti procurando reduzir a desvantagem, mas a seleção da casa mostrou sempre muita segurança na posse de bola e acabou por chegar ao terceiro gol, num remate do guarda-redes Andrade que foi desviado, à boca da baliza, por Coimbra.

Reação imediata da seleção da Oceania, com Tearii Labaste a rematar forte e a bola a desviar na areia e a trair Andrade. Com dois gols de vantagem e metade do segundo período para jogar, Portugal sabia que não podia tirar o pé do acelerador, mas foi o Taiti a voltar reentrar no jogo com um gol incrível de Li Fung Kuee.

Emoção de um lado e do outro do campo, Bruno Novo a fez a bola explodir no poste da baliza taitiana num tiro livre direto e, pouco depois, marcou um incrível gol de falta marcado da área portuguesa!

Faltavam 12 minutos para o primeiro título mundial de Portugal ou Taiti e, para ficar tudo ainda mais emocionante, Kuee fez o 3 a 4 logo no inicio do terceiro período, assinando o seu sétimo gol no torneio, mas pouco depois, falhou na jogada que poderia decretar o empate a poucos centímetros da linha fatal e quando Andrade já estava batido.

As arquibancadas quase não conseguiam respirar e os últimos minutos demoram “horas” a passar para os torcedores portugueses e segundos para os taitianos, com Alan a selar o título mundial português, num momento incrivelmente emocionante! E Espinho aplaudiu, de pé, o novo campeão do Mundo de Beach Soccer da FIFA.

Ficha Técnica do jogo
Campeonato do Mundo de Beach Soccer da FIFA – Portugal’2015
Final
Local – Estádio da Praia da Baía, em Espinho

Árbitros: Ruben Eiriz (Espanha), Gionni Matticoli (Itália) e Hugo Pado (Ilhas Salomão).

Taiti-Portugal

Taiti: Jonathan Torohia, Heimanu Taiarui, Patrock Tepa, Raimana Li Fung Kuee (c) e Heiarii Tavanae.
Suplentes: Angelo Tchen, Tainui Lehartel, Raimoana Bennett, Tearii Labaste, Teva Zaveroni, Franck Revel e Naea Bennett.
Treinador: Tehina Rota.
Gols:.- Labaste – 16’30” e Li Fung Kuee – 18’28” e 24’23”

Portugal: Elinton Andrade, Jordan Santos, Bruno Novo, Madjer (c) e Belchior.
Suplentes: Tiago Petrony, Rui Coimbra, Leonardo Martins, Alan, José Maria e Bernardo Martins.
Treinador: Mário Narciso.
Gols:.- Madjer – 0’03” – Belchior – 6’27” – Coimbra – 16’28” – B. Novo – 20’26” e Alan – 35’12”







Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *