Portugal conquista mais uma medalha nos Jogos Paralímpicos

Lenine Cunha garantiu medalha  de bronze para Portugal nos Jogos Paralímpicos de Londres 2012

Lenine Cunha garantiu medalha de bronze para Portugal nos Jogos Paralímpicos de Londres 2012

Lenine Cunha garantiu, esta terça-feira (05/09), a segunda medalha – primeira de bronze – para Portugal nos Jogos Paralímpicos de Londres 2012.

O atleta português conseguiu o terceiro lugar na prova do salto em distância F20 (deficiência intelectual) com um salto de 6,95 metros.

A medalha de ouro foi entregue ao espanhol Jose Exposito, que venceu a prova com a marca de 7,25 metros. Ao pódio juntou-se ainda o croata Zoran Talic, que, com um salto de 7,09 metros, “agarrou” o segundo lugar e, consequentemente, a prata.

Para Lenine Cunha, a conquista da medalha é um “sonho cumprido”. O atleta admitiu, no final da prova, que “não estava à espera de uma marca tão boa”, adiantando que “pensava saltar 6,80, 6,85 metros”.

“Esta era a medalha que faltava e foi conseguida num ambiente fantástico”, concluiu o saltador português, que esteve ausente dos Paralímpicos durante 12 anos devido ao fato de a deficiência intelectual ter sido retirada do programa e aproveitou para dedicar a vitória “ao treinador, José Costa Pereira, à família e aos amigos, que têm sido incansáveis a enviar mensagens de apoio”.

Lenine Cunha, de 29 anos, fez a sua estréia em competições paralímpicas nos Jogos de Sydney 2000 e é também recordista mundial do heptatlo, do pentatlo e do triplo salto da Associação Internacional de Desporto para Pessoas com Deficiência Intelectual (INAS-FID).




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *