Pesquisa da Universidade de Aveiro sobre Potencial Retorno e Fixação dos Emigrantes Portugueses

Nos últimos anos, temos assistido a um período conturbado na economia portuguesa e o agravamento do desemprego tem sido uma das suas principais consequências. Dinamizar a economia é um grande desafio em Portugal e as pequenas e médias empresas têm um papel fundamental na sua recuperação, pela sua capacidade de gerar emprego, aumentar a produção e produtividade e, por conseguinte, atingir o crescimento económico. Neste âmbito, a promoção do turismo é primordial, pois a despesa turística cria mais emprego e rendimento do que qualquer outro setor da economia, bem como gera e mantém emprego em outros setores da economia que fornecem os visitantes e as empresas turísticas. O regresso definitivo e a participação dos emigrantes portugueses em projetos de desenvolvimento turístico nas suas regiões de origem, que são as mais carenciadas em Portugal, poderão contribuir para estimular a economia regional e nacional, porque trazem competências técnicas e, eventualmente, capital financeiro obtidos durante a sua experiência de emigração.

Na Universidade de Aveiro, encontra-se a decorrer (desde 2008) um projeto de investigação de doutoramento em Turismo, financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia, cujo tema centra-se na avaliação do contributo do potencial retorno e fixação dos emigrantes portugueses para o desenvolvimento do turismo no seu local de origem, em Portugal. Salvaguardando devidamente todos os aspectos de sigilo de informação, o próprio jornal adere a este projeto esperando dos seus leitores emigrantes, atores-chave do projeto, a mesma atitude de colaboração numa demonstração de verdadeiro espírito de cidadania. A recolha de dados úteis, passíveis de ter um valor científico reconhecido, faz-se neste caso, através do preenchimento de um questionário, localizado no link anunciado neste portal, pelos emigrantes portugueses.

Clique na imagem abaixo para participar do Questionário.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *